CSEM e EMBRAPII: um ano de parceria e inovações

No último ano, a EMBRAPII (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial) iniciou uma nova história de parceria com centros de pesquisa. Sete novas unidades foram credenciadas como associadas, recebendo investimentos para impulsionar projetos tecnológicos que possam fortalecer a capacidade de inovação brasileira. Uma das unidades selecionadas foi o CSEM Brasil, centro mineiro que tem se destacado por integrar competência técnica a mínimo impacto ambiental.

O financiamento da instituição obedece a seguinte regra geral: a EMBRAPII pode investir até 1/3 das despesas das Unidades com projetos de PD&I com empresas, enquanto o restante é dividido entre a empresa parceira e a Unidade.

Ao compartilhar o risco com as empresas, dividindo os custos do projeto, estimula-se o setor industrial a inovar mais e com maior intensidade tecnológica. O objetivo é potencializar a força competitiva das empresas, tanto no mercado interno como no mercado internacional.

 

Conheça um pouco mais dessa história:

Gerida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e tendo o Ministério da Educação (MEC) como instituição interveniente, o alto potencial de financiamento da EMPRAPII é resguardado pela responsabilidade federal. Por isso mesmo, apenas centros de qualidade são aprovados em seus editais de parceria. Na prática, ser unidade EMBRAPII é um carimbo de alto nível de atendimento e competência tecnológica.

Para atingir esse reconhecimento, o CSEM foi avaliado a partir de sua capacidade de elencar oportunidades e soluções de alto potencial mercadológico através da tecnologia. Demonstrou excelência na solução de problemas para o setor industrial e conhecimentos para inovar e preencher os gaps existentes na prática.

Esse potencial de se relacionar com as necessidades da indústria é o que diferencia os projetos apoiados por unidades EMBRAPII. O Brasil sofre com a tendência dos centros de pesquisa em se pautarem apenas nos interesses dos pesquisadores, em vez de se orientarem por demandas mercadológicas. Oportunidades de exploração das sinergias entre instituições de pesquisa tecnológica e empresas industriais são os alvos para o investimento governamental:

(Crédito: EMBRAPII/Divulgação)

Por que o CSEM?

O objetivo do CSEM Brasil é transformar tecnologias de ponta em produtos, serviços e empresas inovadoras, criando uma ponte entre ciência e indústria. Como unidade EMBRAPII, o centro é credenciado para desenvolver projetos relacionados à eletrônica impressa e microssistemas. Sua exclusividade como unidade EMBRAPII se destaca também para o armazenamento de energia, energia solar e sensores.

A investidora do governo garante o compartilhamento de risco na fase pré-competitiva da inovação, com aportes financeiros de até R$ 58,8 milhões.

As vantagens que o CSEM elenca para seus clientes, com o início da parceria, são inúmeras:

o empresário lida com menores riscos e custos, podendo focar na inovação sem receios. Além disso, os recursos por parte da EMBRAPII, que somam 1/3 das despesas das unidades com projetos de PD&I, já estão disponíveis assim que o contrato é assinado! Isso traz mais agilidade nos contratos e comprova a experiência reconhecida do CSEM Brasil para a execução dos projetos.

 

CSEM Brasil

Um Centro de Pesquisa & Desenvolvimento que sonha mudar o mundo através da inovação.

LEIA TAMBÉM